terça-feira, setembro 03, 2013

Ryuki Kamikura (Japa), trinco japonês, amigo de Hulk


Texto retirado do site O dragão azul

Ryuki Kamikura, referenciado desde os 11 anos, o médio que também tem nacionalidade brasileira veio conhecer o Porto há cerca de um ano e desde então que a sua vida é um vaivém constante. Por influência do pai, Teodoro Fonseca, morou quase sempre em casa de Hulk, mas agora assinou contrato e vive no lar dos dragões.

Ryuki Kamikura, trinco ou médio de transição, com 1,79 de altura, e o primeiro japonês da historia do FC Porto. O jovem, de 17 anos, assinou no dia 29 de agosto por três épocas e vai começar por competir na equipa de juniores, embora ontem, por ainda não poder jogar por falta do certificado internacional, tenha trabalhado com a equipa B.

Ryuki Kamikura destacou-se no Verdi Kawasaki, tal como Hulk

Até aqui a historia de Ryuki Kamikura que já jogou pela seleçao japonesa e, que se destacou no Verdi Kawasaki, tal como Hulk, é perfeitamente normal, ao nível de outras que se possam contar sobre reforços de outros países improváveis. Mas o melhor desta é que Ryuki “Japa”, como o próprio se denomina, é filho de Teodoro Fonseca, o empresário de Hulk. Foi alias, o jogador brasileiro que acolheu Ryuki em casa nos primeiros tempos deste no Porto. E isso já foi há cerca de um ano.

Ryuki nasceu no Japão, mas por o pai ser brasileiro, tem dupla nacionalidade. Morou durante a maior parte da vida no Oriente e veio conhecer o Porto como pai, aproveitando para começar a treinar com a equipa de juvenis. A qualidade não foi uma surpresa para os dragões, que já o tinham referenciado em 2006, quando brilhou na Danone Nations Cup pela selecao sub-12 do Japão. Jogava, nessa altura no Verdi Kawasaki, clube onde se manteve até a época transata.

Como era muito novo, não podia mudar-se para o Porto. Essa oportunidade surgiu o ano passado Ryuki morou com Hulk, que lhe dava boleia para os treinos no Olival e foi a sua grande companhia em casa. Por só ter visto de turista, nunca ficava mais de três meses em Portugal sem ir ao Japão pelo meio.

O constante vaivém deixou-o dividido. Por um lado queria experimentar o futebol europeu, por outro custava-lhe abandonar as suas raízes. Foi precisamente Hulk que o convenceu a assinar. Desde então Ryuki Kamikura mora na Casa do Dragão.

Teodoro Fonseca tem, pois, mais um craque para potenciar no Dragão. Mas este segue com particular carinho. O futuro dirá se Ryuki Kamikura poderá render tantos milhões como Hulk.

4 comentários:

Anónimo disse...

Isto é só promoção encomendada.

Anónimo disse...

Tem razão o comentador anterior, nunca vi tal coisa, sejam um pouco mais humildes, pois algo ............

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

NÃO COMPREENDO, É O FILHO DO EMPRESÁRO, QUE É BOM OU A AMIZADE DO HULK? NÃO FAZ SENTIDO NENHUM, ESTAR A SER EXPOSTO, E FAZER PROMOÇÃO A AMIZADE, AMIGOS TODOS TÊM. ESPERO QUE ESTE COMENTÁRIO NÃO SEJA REMOVIDO, POIS É UMA CONSTATAÇÃO AO REAL.