sexta-feira, abril 04, 2014

«Quem não aguenta a pressão não pode andar nesta profissão» - Lázaro Oliveira


Lázaro Oliveira não gostou da exibição do Portimonense com o Braga B (1-1) e exige outra atitude dos jogadores na deslocação ao terreno do Covilhã.

«Se estão a acusar a pressão quando estão a lutar pela subida, então não podem andar nesta profissão. Têm de saber viver com a pressão de conquistar algo e de ganhar», avisou o treinador dos algarvios.

Lázaro Oliveira não quer mais percalços.

«Temos seis jogos pela frente, mas para alcançarmos o que ambicionamos temos de ter uma postura diferente. Vamos à Covilhã para conquistarmos os três pontos», afiançou.

Leia mais na edição digital ou na edição impressa de A BOLA

10 comentários:

J.Santos disse...

Sr. Lazaro
Tem toda a razão, pois são nestes momentos que as diferenças aparecem, ou seja, os fortes e os fracos, os mais capazes e os menos capazes. No entanto estou convencido que a pressão já vem instalada de balneários e treinos e essas pressões têm o seu pico nos jogos.
Estou convencido que o Sr. com toda a sua experiência e com uma óptima relação humana que lhe é conhecida, saberá dar a volta. O horizonte traçado está perto, vamos lá chegar com toda a certeza. RUMO À 1ª. LIGA.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
_ disse...

A equipa do PORTIMONENSE 1914 reserva o direito de eliminar o seu comentário, caso o considere fora do tema ou de alguma forma ofensivo. Contribua com uma opinião construtiva

Anónimo disse...

o primeiro a não aguentar és tu ó lazaro.

poe mas é a equipa a jogar a bola e deixa-te de interesses de empresários.

Anónimo disse...

Talvez haja alguma razão, na pressão feita pelos empresários.

Rui manuel disse...

Força Mister e mão de ferro, veja lá é se o zambujo ta em forma e meta o Homem, o mica, o kanazaki.
Não percebi o central brazuca ter jogado de inicio no domingo?o miúdo tava tocado?

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Ninguém percebeu como é que o Lucas joga de inicio e o Rui vai para o banco... Não está lesionado. O peso do dinheiro...

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
VL disse...

inadmissível aceitar o ultimo comentário aqui moderador. apesar de ter alguma razão em certos aspetos. No entanto ao enxovalhar desta forma, é de reprovar! Temos brasileiros bons sim mas outros são de qualidade inferior, como há portugueses melhores, que brasileiros e brasileiros melhores, nada tem a ver com nacionalidade, por acaso o nosso melhor jogador é japonês!!!Não é de admitir ida de jogador ao brasil agora, a menos que seja mesmo problema familiar grave por exemplo. Para recuperar é cá! Hoje vou ver a resposta dentro de campo, tendo em conta as palavras do técnico! Caso contrário, um mister que sempre defendi aqui e que não consegue dar a volta apesar de muito bom, se não ter mão na equipa, deverá pôr o seu lugar á disposição!!!Eu acredito ainda mas há que mudar algo infelizmente, cai para o lado mais fraco!